Minas Gerais terá sete novos presídios: saiba onde
12/09/2019 16:33 em Segurança Pública

Obras em duas unidades que estavam paradas foram retomadas. Outras duas unidades em Itabira e Lavras serão construídas pela mineradora Vale

 

Estado de Minas/Site Estado de Minas 

Postado em 12/09/2019 12:36 / Atualizado em 12/09/2019 12:55

A imagem da capa do site Multisom foi retirada de arquivos da internet/Google 

 

Minas Gerais terá sete novos presídios, aumentando em 2.894 o número de vagas no sistema prisional do estado. Duas dessas unidades estavam com obras paralisadas, mas já foram retomadas. Outras duas novas unidades serão construídas pela mineradora Vale. A informação é do secretário de Justiça e Segurança Pública, general Mário Araújo. 

 

Os presídios de Ubá, na Zona da Mata, e Iturama, no Triângulo Mineiro, tiveram as construções retomadas. Ambos terão capacidade para receber 388 detentos, totalizando 776 novas vagas. As obras em Ubá pararam no final de 2018 e foram retomadas após negociações do estado com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e Governo Federal. O investimento é da ordem de R$ 25 milhões. Metade da obra está concluída. 

 

Em Ubá, o canteiro de obras estava vazio há 11 meses. A construção foi retomada com 30% da obra concluída e a expectativa é de que ele esteja pronto até o fim do ano que vem, segundo a Secretaria de Justiça e Segurança Pública. 

 

As outras cinco unidades foram listadas pelo general Mário Araújo em entrevista à rádio Itatiaia transmitida na manhã desta quinta-feira. “Estamos agora buscando a ordem de início para Alfenas, 306 vagas, Itajubá 306 e Divinópolis também 306. A Vale se compromissou em construir dois presídios de 600 lugares cada. Com isso vai haver um aporte de 1.200 vagas nas cidades de Lavras e Itabira, já com início de levantamento topográfico”, informou o secretário. 

 

A construção dos presídios pela mineradora seria uma compensação pelo rompimento da barragem em Brumadinho, que matou mais de 200 pessoas em janeiro deste ano, segundo a reportagem.

 

Atualmente, 197 unidades prisionais estão sob responsabilidade do governo de Minas, em um total de 77 mil internos. 

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE