Alerta na saúde: mais um caso de sarampo registrado em Minas Gerais
04/09/2019 16:20 em Minas Gerais

Adolescente morador de Juiz de Fora, na Região da Zona da Mata, foi confirmado com a doença, segundo a Prefeitura da cidade

 

João Henrique do Vale/Site Estado de Minas 

Postado em 04/09/2019 13:50 / Atualizado em 04/09/2019 13:59

A imagem da capa do site Multisom foi retirada de arquivos da internet/Google

 

O sarampo avança por Minas Gerais. Mais um caso da doença foi confirmado, subindo para seis os diagnósticos neste ano. A situação pode ser ainda pior, pois já são cinco pacientes com confirmação preliminar da moléstia. Com isso, o estado pode estar prestes a passar o número de contaminações registrado em 1999, último ano com casos autóctones – de transmissão ocorrida dentro do próprio território – que registrou nove casos. A vacina contra a doença pode ser encontradas, gratuitamente, em todas as unidades do Sistema Único de Saúde (SUS). 

 

O novo caso da doença foi registrado em Juiz de Fora, na Região da Zona da Mata. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o paciente com a doença é um adolescente de 16 anos que tinha somente uma dose da vacina tríplice viral. Ele vivia no Bairro Novo Horizonte. “Durante a investigação, foi constatado que o adolescente esteve em outra cidade e esteve em contato com parentes que residem em São Paulo, região onde há surto da doença”, informou a pasta. 

 

A cidade ainda investiga um outro caso, em uma garota de 1 ano e nove meses, do Vairro Morro da Glória. A paciente também tem apenas uma dose da vacina tríplice viral – que protege, ainda, contra a caxumba e a rubéola. “O caso está em investigação. Uma amostra de sangue foi colhida e enviada para a Funed, a fim de descartar ou comprovar o caso por meio de exames mais complexos, como o de sorologia”, afirmou a prefeitura. 

 

O caso confirmado, ainda não entrou para o balanço da Secretaria Estadual de Saúde (SES/MG). A pasta informou, nesta quarta-feira, que a situação do paciente ainda será investigada. Só depois que poderá ser incluído no levantamento. 

 

Últimos dados divulgados pela pasta mostram que são quatro casos confirmados e outros cinco pacientes com exames preliminares positivos. No levantamento anterior, de 22 de agosto, eram três pessoas com diagnóstico inicial para sarampo. Esses pacientes apresentaram sintomas compatíveis com a suspeita, tiveram contato com pessoas ou são moradores de São Paulo e já tinham exames iniciais reagentes. 

 

“Após coleta e liberação de resultado da segunda coleta de amostra de soro e análise minuciosa das investigações, os mesmos serão classificados. Vale ressaltar que em ambos os casos o bloqueio vacinal foi realizado, contribuindo para a interrupção da cadeia de transmissão e não aparecimento de casos secundários”, informou a pasta.

 

Centros de saúde lotados

 

O medo do sarampo está levando uma corrida aos postos de saúde para a imunização. Na manhã desta quarta-feira, pessoas de todas as idades lotaram as unidades em Belo Horizonte. No Brasil, já foram confirmados 2.753 casos da doença, com quatro mortes em São Paulo e uma em Pernambuco.

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE