Ubá-MG: Combate ao Aedes
23/01/2020 10:16 em UBÁ EM PAUTA

Ubá detecta "Alto Risco" de infestação por Aedes

 

Por Assessoria de Comunicação da PMU - Publicado em 22/01/2020 13:48 - Atualizado em 22/01/2020 14:30

A imagem da capa do site Multisom é meramente ilustrativa e foi retirada de arquivos da internet/Google

 

 

dengue

O primeiro LIRAa de 2020 aponta "ALTO RISCO" de infestação por Aedes.

 

Assim como em janeiro de 2019, o resultado (8,2%), do primeiro Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti – LIRAa do ano de 2020, apontou um “Alto Risco” de surtos de doenças causadas pelo mosquito.

O primeiro LIRAa do ano foi realizado no período de 6 a 10 de janeiro, onde os Agentes de Combate às Endemias – ACEs estiveram em campo coletando amostras em todos os bairros do município de forma simultânea, e após consolidação dos dados foi certificado que os criadouros  dentro das residências continuam sendo o maior vilão.

Vasos, pratos, frascos de plantas e bebedouros de animais, somam 23.9% dos focos de Aedes encontrados, 23.5% são calhas, ralos, lajes e sanitários em desuso. Os tambores e reservatórios de água somam 19,1%, caixas d’agua 14.8%, lixo (recipientes plásticos, garrafas etc.) 13%, pneus 4.8% e por fim os depósitos naturais como bromélias, folhas e buracos de árvores representam 0,9%.

É importante que a população receba bem os Agentes de Saúde e siga as orientações dadas por eles. Também se faz necessário o cumprimento dos 10 minutos semanais contra o Aedes.

Combate ao Aedes em Ubá

Diante do elevado resultado do índice, 8,2%, a Secretaria de Saúde está intensificando as ações através dos mutirões de limpeza que serão retomados, contratação de novos ACEs, telagem de caixas d’água, implantação de Comissões Permanentes de Combate à Dengue - CPCDs nas empresas e nas escolas, campanhas de mobilização incentivando inclusive o uso de repelentes e a realização da limpeza nas residências.

Combater o mosquito é dever de todos! Se cada um fizer a sua parte, o mosquito não nasce!

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE